July 2017

A acupunctura trata a cefaleia?

Começo com um caso clínico. Há alguns anos atrás recebi uma paciente que sofria de cefaleias de forma regular. Quase todos os dias esta paciente tinha um desconforto qualquer, ou mesmo uma dor que a transtornava bastante.

Ouviu falar de mim e veio ter cmg. Desde logo disse que o tratamento deveria ser mais prolongado, embora devesse sentir alterações a curto prazo. A paciente estava determinada em sair daquele estado e decidiu partir para este tratamento.

Começamos então um plano faseado. Numa primeira fase fizemos 3 tratamentos por semana durante mais de 1 mês. Os resultados foram evidentes, a paciente passou de ter cefaleias constantes a ocasionais e menos intensas. Numa segunda fase diminuímos a frequência para 2 tratamentos semanais e, mais tarde, para 1 tratamento por semana. A evolução foi-se verificando até que as cefaleias já eram raras e facilmente evitáveis assumindo alguns comportamentos preventivos.

Na terceira e última fase os tratamentos passaram a ser quinzenais, aqui o objectivo era acompanhar a reacção e verificar que a paciente não voltaria a ter nada de grave.

O tratamento durou cerca de 3 meses, tendo a paciente ultrapassado o sofrimento que a afectava quase todos os dias.

Nestes casos é recomendável haver um acompanhamento semestral ou anual para que se possa manter o paciente livre de qualquer recaída.

O que é a cefaleia?

A cefaleia é o termo usado para o desconforto ou dor de cabeça.

Pode ocorrer ocasionalmente ou de forma regular. Tem diversas causas e os sintomas podem variar bastante. Segundo a classificação internacional de cefaleias, existem 14 grandes tipos (nos quais se enquandra a enxaqueca). Destes 14 grupos podemos identificar mais de 200 formas diferentes de cefaleias

De acordo com a medicina ocidental estas podem ser de origem primária (90%), quer isto dizer que não existe doença associada; ou de causa secundária, quando decorrem de outras doenças (exemplo da gripe, tumores meningites…)

se pretender informar-se de forma mais detalhada sobre a cefaleia à luz da medicina alopática sugiro que visite o seguinte link: http://www.cefaleias-spc.com/?page_id=93

De acordo com a medicina tradicional chinesa, a origem da cefaleia deve-se sempre ao desequilíbrio de Qi e/ou Sangue. Esta é a base para todas as patologias. Integrando a interpretação com o estado dos meridianos e órgãos, assim como do estado emocional do paciente, o terapeuta estabelece um padrão de tratamento.

A acupunctura pode ajudar no tratamento da Cefaleia?

Sim!

A investigação demonstra que sim. Embora seja complicado a investigação em acupunctura, devido à sua complexidade, muitos são os estudos feitos sobre o efeito da acupunctura nas mais diversas doenças.

Em baixo seguem diversos links com estudos sobre o efeito da acupunctura no tratamento da cefaleia

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21533705

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3291665/

http://www.cochrane.org/CD001218/SYMPT_acupuncture-preventing-migraine-attacks

Enquanto o primeiro estudo revela que a acupunctura é especialmente eficaz no tratamento da cefaleia primária, o segundo atesta a vantagem custo/benefício da acupunctura nos tratamentos dizendo que é, no mínimo, tão eficaz como os tratamentos farmacológicos. O último estudo atesta a eficácia do tratamento dizendo que é mais eficaz que o placebo, mas indica ainda a ausência de estudos do tratamento a longo prazo e seus efeitos consequentes.

Para lá da evidência científica…

Há muito que as pessoas recorrem à acupunctura como forma de aliviarem as dores provocadas pela cefaleia. Muitas das vezes porque, infelizmente, nem a medicação consegue aliviar de forma eficaz o desconforto que sentem. Geralmente, é encontrada no tratamento, a solução para este grande mal.

Qualquer pessoa que sofra de cefaleias pode recorrer à acupunctura em qualquer uma das duas situações:

  • Crise – A acupunctura tem a capacidade de aliviar momentaneamente a cefaleia
  • Como forma de tratamento – A acupunctura não serve apenas como forma de alívio, mas também como tratamento. Se for feito um tratamento continuado a pessoa deve esperar uma diminuição da incidência da cefaleia assim como da sua intensidade. Se for feito um acompanhamento, é mesmo possível que a pessoa se veja livre deste grande mal

A acupunctura é por isso uma ferramenta muito útil no tratamento da cefaleia.